O que pode e o que não pode

Dia 6/365:

Hoje encontrei com amigos queridos na Prefeitura de Jundiaí e conversando sobre o nosso (meu e seu) blog recebi mais apoio. Fico tão feliz, as pessoas entendem o esforço e apoiam, sem recriminação, sem tirar sarro, só empatia pura.

E conversando com a também jornalista Marcinha, falamos sobre o que pode e o que não pode neste período de agora 359 dias. O que pode: comprar produtos de higiene pessoal (sabonete, creme dental, escova de dentes, shampoo, condicionador e creme sem enxágue, senão meu cabelo fica um horror heheh); comida (óbvio, né?!).

Para o item alimentação, temos que abrir um parênteses. É que a antiga eu gostava muuuuuuuito (acho que ainda gosto) de comer em restaurante. Adooooro o salmão do Saborella’s, no Maxi Shopping. E vira e mexe estava lá. Adorava quando estava em algum evento ou reunião e acabava perto do horário do almoço… Hummm, delícia. Mas agora as coisas mudaram um pouco. Não quer dizer que não vou mais comer o melhor salmão de Jundiaí, mas vou controlar as idas até lá. A conta é simples: dá tempo de ir almoçar em casa? Então eu vou almoçar em casa!

No quesito transporte, a regra é clara (certo, Arnaldo? ): vence o que for mais barato. Como esta semana estou sem carro, surgiu a dúvida, como vou para o compromisso de trabalho? Uber ou ônibus? Usando a regra, liguei pro Tadeu pra pedir carona. A carona não rolou (ele já estava a caminho do nosso destino comum) e então fui de ônibus. Leva mais tempo, vai sacudindo, mas é mais barato.

O que não pode

Nada de roupas, bolsas, sapatos e bijoux até 8 de setembro de 2018. (o parágrafo mais curto e mais doloroso deste post heheh). Que Deus me ajude.

Economia desta quarta-feira, dia 13/9: vocês poderão acompanhar os valores economizados, diariamente, a partir de escolhas mais conscientes.

  • Almocei em casa: R$ 23,00
  • Ônibus: R$ 6,00 (ida e volta). Se fosse de Uber, R$ 25,00 (ida e volta)

Total: R$ 42,00 não gastos

4 comentários sobre “O que pode e o que não pode

  1. Marilza disse:

    Querida estou gostando nuito da sua iniciativa de escrever e vivenciar este importante tema. Nao precisamos de tantas coisas mas precisamos encontrar no meio de tudo isso a nossa verdadeira essencia! Ti voglio bene.

    Curtido por 1 pessoa

    • Cíntia disse:

      Sim, está sendo um aprendizado muito importante e que vou levar pra vida! Só nos damos conta disso ao se posicionar desta forma diante da vida. A inspiração pra escrever vem deste aprendizado e de Deus, com certeza. Grazie, carissima cugina! Anch’io.

      Curtir

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.