Construindo sonhos: Casamento (Parte 1)

Dia 138/365:

Hoje, o ‘Obrigada, estou apenas olhando’ vai começar um série sobre casamentos. Atendendo, carinhosamente o pedido de uma de nossas leitoras.  O assunto é longo e vamos abordá-lo em três partes e começaremos falando sobre o evento em si.

Vestido, convite, festa, lembrancinhas, cerimonialista, lua de mel… Mas é possível sim organizar um casamento lindo, inesquecível e econômico. Quando comecei no jornalismo trabalhei para um jornal que editava uma revista chamada Noivas. Me lembro que era muito legal lidar com este universo: entrevistar noivas, mães, madrinhas, ouvir as histórias de como os noivos haviam se conhecido, o que esperavam… Mas o que mais impressionava todos os envolvidos era como o tempo passava rápido a partir do momento em que se marcava a data heheh

Lembra do que falamos ontem? Enquanto o sonho está no plano da imaginação, nada acontece e você continua no mesmo lugar. A partir do momento que você estabelece uma data: pronto! As coisas começam a correr… O tempo a passar e se você não se programar, vai ser atropelado hehehe

Outra coisa que chama a atenção é que assim ficam noivos começa a cobrança né? E vocês começam a ouvir de amigos, parentes e até vizinhos: “Quando vai ser o casório?”. Calma, vocês não precisam casar imediatamente. Esta data pode ser o start para marcar Wedding Day e a partir daí vocês se planejam com tudo que vão precisar:

DICA DE OURO: DEFINA UM VALOR E ORGANIZE TUDO DENTRO DESTE ORÇAMENTO: para que isso aconteça vocês terão que ficar atentos a três verbos: planejar, organizar e controlar.  Lembre-se de controlar os gastos, anotar tudo e, se estiver saindo do orçamento, reorganize as contas!

FAÇAM LISTAS! Faça uma agenda com tudo que terá que fazer. Defina tempos  como um ano antes da data, seis meses antes, três meses antes, um mês antes e depois diariamente até chegar o grande dia. Se você contratar uma cerimonialista, ela cuida de tudo isso pra você, mas aí você não vai aproveitar as delícias de correr atrás das coisas hehehe

FAÇAM UMA POUPANÇA: se vocês acabaram de ficar noivos, mas ainda não tem uma data prevista para o casório, comecem uma poupança juntos. Quem sabe não conseguirão pagar alguns serviços à vista? Lembrem-se, pagando à vista é possível negociar desconto.

ESCOLHA A MELHOR DATA: quando for escolher a data do casamento, é bom ficar atento aos meses de abril, maio (mês das noivas), setembro (início da primavera), novembro e dezembro (fim de ano) são os mais caros. A baixa temporada dos casamentos acontece nos meses de janeiro, fevereiro, março, junho e agosto segundo as organizadoras de casamento. Ah, é bom lembrar também que almoços sempre saem mais barato do que jantares, para a recepção aos convidados.

APERTEM OS CINTOS: combinem entre vocês que com a aproximação do grande dia, vocês vão economizar. Gastos supérfluos, além de jantares e cineminhas podem ser reduzidos para economizarem na reta final.

CUIDADO PARA NÃO ENGORDAR OU EMAGRECER DEMAIS: hehehe Sim, eu tenho que dizer isso! Alguém precisa dizer pra vocês heheh Com o estresse grande dos preparativos para o casamento, tanto a noiva, quanto o noivo, costumam engordar ou emagrecer, dependendo de como encaram o estresse: comendo ou perdendo a fome heheh Então, cuidado!

Ah, casar deve ser lindo né? Eu também já sonhei com isso… Mas é melhor ficar aqui trabalhando e  imaginando o dia de vocês… hehehe Pedindo a Deus para que seja tudo lindo, maravilhoso e abençoado. 😉

 

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s