Você sabe por que o porquinho virou cofre?

Dia 191/365:

Sempre ao publicamos o Desafio 52 semanas, usamos a imagem de um porquinho e hoje o ‘Obrigada, estou apenas olhando’ recebeu um questionamento sobre o porquê do porquinho ser o símbolo da poupança, de guardar dinheiro.

Preparem seus porquinhosss! Cíntia, acabou de me surgir uma curiosidade e não vou buscar no google pois pode ser tema de um artigo seu: Por que um porco é usado para representar questões financeiras e de economia? Não poderia ser uma Vaca? Uma galinha, um hipopótamo…

E por conta desta encomenda, fomos pesquisar, porque, sinceramente, nem eu sabia o motivo. Isso é bom né? Faz a gente aprender mais. A pergunta foi feita pelo Renato Xavier, CEO da Epicentro Digital, fiz um curso de facebook lá, aprendi muitão!

Existem várias teorias sobre o motivo do porco ter sido escolhido para representar o ato de guardar dinheiro. Pensou num cofrinho, lá vem o porquinho na cabeça. E muita gente usa o porquinho cor de rosa (por conta da cor do presunto hummm) para guardar dinheiro. Inclusive, é costume presentear crianças com este tipo de cofrinhos.

Uma das teorias data do século 16. Naquela época, os europeus que não tinham condições de comprar utensílios domésticos de metal, por conta do alto custo, usavam os de argila barata, chamada pygg clay. Estas mesmas pessoas também já tinham o hábito de guardar dinheiro (veja só que belezinha) e usavam vasilhas feitas com esta mesma argila. E, com o tempo, estas vasilhas passaram a se chamar pygg bank. Mas até então não tinham nada a ver com o formato de porco.

Historiadores dão conta que uma vez, um artesão, que não conhecia essas vasilhas, recebeu uma encomenda para produzir um pygg bank. Ele não sabia ao certo o que teria que moldar e, por conta disso, criou um cofre no formato de porco. Para quem ainda não sacou, a grafia pygg é parecida com porco em inglês pig. Sem querer, ele criou o primeiro cofrinho de porco devido uma confusão de palavras.

Outra teoria está relacionada ao calendário chinês, no qual o porco é conhecido como um símbolo de fartura. E, de acordo com as crenças deste povo, eles criaram um cofrinho de argila, no formato de porco para presentar as pessoas com riqueza e prosperidade.

Alguns ainda acreditam que o engenheiro francês Sebastian la Pestre seja o pai da ideia do porco como símbolo da multiplicação. De acordo com Pestre, em dez anos, uma leitoa chega a produzir seis milhões de filhotes. Gente, se a ideia é guardar dinheiro para multiplicar, melhor usar mesmo um símbolo que remetesse a todo esse poder, imagina, 6 milhões em dez anos…

Pena que os porquinhos que temos em casa não rendem. O dinheiro entra e fica parado hehehe A menos que você continue colocando mais e mais e mais…

Para quem também  não sabia estão aí as histórias de porquinhos, cofrinhos… Eu guardo minhas moedas numa lata de bombons. Fiz um rasgo na tampa, para lembrar um cofre e vou colocando as moedas lá dentro… Como já contei aqui, adoro o barulhinho delas batendo umas nas outras.

Gente, espero que o seu fim de semana esteja sendo bastante proveitoso. Eu já trabalhei, já produzi e já ganhei dinheiro. Agora vou alimentar a alma, estou indo para a Escola Bíblica. Aprender nunca é demais, sobre qualquer assunto, mas sobre Deus é maravilhoso! Que Ele NOS abençoe, NOS proteja a cada dia em todos os momentos. 😉

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s