58% dos brasileiros não gostam de dedicar tempo para cuidar das finanças

Dia 201/365:

O ‘Obrigada, estou apenas olhando’ teve acesso a nova pesquisa do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) que apontou que 58% dos brasileiros não gostam de dedicar tempo para cuidar das próprias finanças.

Genteeeeeeee, como assim? Mas você vai se espantar ainda mais: 19% dos entrevistados evita prestar atenção em números no dia a dia. Assim vai ficar difícil né, gente?

Os resultados desta pesquisa do SPC são alarmantes, mas por aqui, a gente tem defendido outras práticas. E os nossos seguidores, estão sim: controlando suas finanças; já entenderam que finanças pode ser um assunto fácil de entender; não usamos cartão de crédito (só em caso de urgência ou se for bem planejado); não usamos cheque especial e não contratamos crédito (a menos que seja para acertar todas as contas e ficar com apenas uma).

Para não tomarmos decisões equivocadas e nem vivermos fora do nosso padrão financeiro, é preciso controlar os ganhos e também os gastos. Mas nem tudo está perdido, 56% das pessoas entrevistadas, sentem-se mais seguras quando conseguem se planejar por pelo menos 6 meses.

Espero que nossos seguidores façam parte dos outros 39% dos entrevistados que se interessam em controlar suas finanças, sabem exatamente quanto ganham e como gastam e dorme bem à noite, porque as contas estão em dia e o ‘nome está limpo’ na praça (expressão do tempo da minha avó pra dizer que a pessoa está adimplente).

Não precisa ter medo. Mesmo que você não entenda sobre finanças, o que estamos tentando fazer aqui é desmistificar essa dificuldade e esse ‘bicho papão’. Existem muitas maneiras de aprender a cuidar das finanças: nosso blog, planilhas, aplicativos no celular: tudo sem segredo.

E até o educador financeiro do portal Meu Bolso Feliz (SPC Brasil), José Vignoli, reconhece que há conteúdos de qualidade e gratuitos na internet. Ebaaaaaaaaaa, espero que nosso blog esteja entre estes conteúdos hehehe “Hoje com a facilidade de acesso à internet, esse número poderia ser muito maior. Há uma grande oferta de conteúdo de qualidade e gratuito em portais, vídeos e até mesmo nas redes sociais que tratam da relação com o dinheiro de forma leve, descomplicada e aplicada às situações comuns do dia a dia”, afirma Vignoli.

Que Deus NOS ajude e continue NOS inspirando a fazer esse trabalho. Que a vida possa ficar mais fácil para milhares de pessoas enroladas com as finanças. Que elas consigam desenrolar todas as pendências, dificuldades e transforme tudo para o seu próprio bem e de toda a família. Seja em Deus! Seja próspero! Seja feliz! 😉

Um comentário sobre “58% dos brasileiros não gostam de dedicar tempo para cuidar das finanças

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.