Ajudar o próximo, um legado de amor da minha mãe

Estamos vivendo tempos sombrios. Tragédias, descaso dos políticos que elegemos, de empresários gananciosos e falta de fiscalização das autoridades responsáveis. Mas podemos sempre encontrar algo bom em meio ao caos.

Isso aconteceu comigo ontem e agradeço imensamente a Deus me permitir aproveitar estas oportunidades e vivenciá-las ao máximo. Fui fazer exames médicos (aqueles das meninas hehe) mamografia e ultrassom de mama. E enquanto estive na clínica, fui abençoando todos os espaços, todas as salas de exames, não somente pra mim, mas para todos que por ali passassem, com o desejo de que recebessem boas notícias.  Esses exames são tão estressantes, deixam as pessoas preocupadas. Não queria angústia e ansiedade naquele ambiente.

Com meus exames está tudo bem, com a graça de Deus. Mas, quando cheguei em casa, Ele mostrou que esteve comigo o tempo todo. Estava trabalhando e ouvi alguém carpindo lá fora. Saí no portão e vi os colaboradores da prefeitura fazendo a limpeza da rua e estavam limpando até a minha calçada, cortando a grama que teima em crescer além do espaço destinado pra ela heheh

Eles não precisavam fazer aquilo, afinal, calçada é um espaço particular, mas estavam lá pra deixar a rua mais bonita. Perguntei se queriam água, o sol tava forte e em agradecimento recebi não um, mas três “Deus a abençoe”…

Voltei pra dentro de casa e fui trabalhar mais feliz. E fui assim até às 12h30, quando a barriga roncou de fome. Mal sabia eu que havia uma outra barriga roncando de fome  no portão da minha casa. Ele tocou a campanhia e pediu um prato de comida:

– Moça, eu trabalho nas ruas, catando latinhas e hoje o que recolhi não vai dar pra almoçar. Teria um pouco de arroz e feijão pra me arrumar?

– Eu ia esquentar a comida agora mesmo, se o senhor esperar, claro que arrumo. O senhor gosta de peixe? Hoje teremos peixe.

– Nossa, ô se gosto! (hehehe)

Esquentei a comida (que era de domingo) e quando abri a panela de arroz fiquei preocupada, imaginando se aquela comida daria para mim e pra ele. Arroz, feijão, tilápia grelhada e salada de tomate, água e banana pra ele. A comida deu, pra nós dois. E quando ele me chamou para devolver o prato, olhou bem nos meus olhos e disse: “Deus a abençoe e que Ele permita que nunca falte comida na sua mesa”.

Foi a resposta à minha preocupação de poucos minutos antes. “Será que a comida vai dar?” Sempre dá. Quando nos dispomos a ajudar, sempre dá.

Voltei pra dentro, chorando e agradecendo a Deus pela oportunidade de ajudar e me lembrei de uma passagem da Bíblia, quando Jesus fala sobre ajudar ao próximo. E agradece por lhe darem de comer, de vesti-lo e visitá-lo na prisão.

40 E respondendo o Rei, lhes dirá: Em verdade vos digo que, quando o fizestes a um destes meus pequeninos irmãos, a mim o fizestes. Mateus 25: 40 

Minha mãe sempre ajudava as pessoas. Estava sempre disposta, se desdobrava e deixava de fazer o dela para fazer pelo outro. Que Deus permita que eu continue esse legado de amor, fé e esperança em dias melhores para todas as pessoas. Me lembro que quando alguém batia em nossa porta pedindo comida, ela sempre ajudava e se perguntava: ‘Com tantas casas na rua, as pessoas batem aqui?”. E eu sempre respondia: ‘Elas sabem que aqui vão encontrar o que precisam, mãe”. Não tinha essa percepção na época, mas hoje sei que era Deus orientando essas pessoas a baterem em nosso portão. E que bom que continuam batendo…

Vamos fazer o bem ao nosso próximo. Aos animais de rua (eles também são nosso próximo). Às vezes, um simples bom dia, pode fazer toda a diferença na vida de uma pessoa. Seja feliz e que Deus abençoe o seu dia e esteja com você o tempo todo. 😉 ❤

2 comentários sobre “Ajudar o próximo, um legado de amor da minha mãe

  1. agirlssimplelife disse:

    Cíntia! Como você vai?
    Que belo texto! Nos ajuda a refletir sobre nossas atitudes.
    Em um mundo tão egoísta, é tão bom saber que existem pessoas como você e sua mãe ♥
    Minha mãe é assim também. Queira Deus que eu chegue também nesse nível da minha vida.
    Deus abençoe sempre você e seu gesto de amor!

    Curtido por 1 pessoa

    • Cíntia disse:

      Oi querida, tudo bem graças a Deus e vc?
      Estava sumida né? Que bom que voltou. Acredito que nunca chegaremos aos pés de nossas mães, mas temos que tentar, né? Todos os dias!
      Que Deus NOS abençoe sempre, em todos os momentos! bjs querida e não some não. 😉

      Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.