Contas no vermelho?

Dia 289/365:

A palestra da palestra do educador Pedro Braggio, que assisti na Construtora Santa Angela, continua rendendo. Hoje, os alertas do “Obrigada, estou apenas olhando” são para você que não consegue deixar sua conta bancária ‘azul’.

No final da palestra, para conseguir avaliar a situação financeira dos participantes, Pedro passou um questionário de avaliação. Este mesmo questionário eu respondi quando fiz meu curso de reeducação financeira no ano passado. Ele traz umas perguntas que doem um pouco pra responder, dependendo da relação que você tem com dinheiro, cartão de crédito, planejamento financeiro, compras e reserva financeira.

Com que frequência sua conta no banco fica no vermelho?

  1. Nunca
  2. Até 6 dias no mês
  3. Entre 7 e 14 dias no mês
  4. Entre 15 e 25 dias no mês
  5. O mês todo

A minha, graças a Deus, hoje em dia, NUNCA! Mas já ficou muito no vermelho. Já usei muito o limite do cheque especial em outras épocas da minha vida. Mas faz alguns anos que nem sei qual o limite porque não preciso dele. Ainda bem, né gente, pois os juros do banco estão pela hora da morte.

Eu sei que você sabe, mas o dinheiro do cheque especial NÃO é seu!  Por isso é importante controlar o seu saldo bancário, principalmente, se você usa muito o cartão de débito ou se tem contas no débito automático para ‘cair’. Esteja atento ao real valor do seu saldo bancário, desconsiderando o limite disponível do especial. Este dinheiro não é seu e, usá-lo, vai lhe gerar mais uma dívida.

A partir do momento em que você usa o cheque especial, e não paga, ele vira dívida – e aí começam os problemas. Então, vamos evitar problemas. O país já está cheio deles para você procurar por mais hehehe

Meu desejo para este fim de semana é que você sinta-se em paz e dormir tranquilo (a): cuide da saúde do corpo, da mente e do bolso. Esta última é tão importante quanto as outras. Corpo e mente, cuidamos com remédios. A do bolso, com educação financeira, controle de gastos e planejamento. Que Deus possa continuar NOS orientando para que atinjamos o nível de seres plenos em todos os sentidos de nossas vidas. Eu consegui! Você também consegue! 😉

 

Fim do mês: tem dinheiro aí?

Dia 235/365:

Hoje é o último dia do mê e como está a sua conta bancária? Com o ‘Obrigada, estou apenas olhando’, a situação da minha melhorou bastante, espero que NOSSO blog esteja te ajudando também.

É possível esticar o salário e conseguir terminar o mês sem entrar no vermelho ou apelar para o cartão de crédito. Para isso é necessário fazer um bom planejamento financeiro e reeducar sua mente para as compras com o objetivo de não se endividar.

1. Analise detalhadamente todos os seus gastos. Anote tudo aquilo que comprar durante uma semana e depois observe o que foi comprado impulsiva ou desnecessariamente.

2. Registre todos os seus gastos gastos diários, incluindo o cafezinho e a gorjeta.

3. Avalie o que pode ser cortado desses gastos e passe a fazer isso de olho numa poupança para emergências.

4. Defina o seu padrão de vida com realismo, viva dentro do seu padrão, com a sua receita, seja ela individual ou familiar.

5. Separe uma quantia para poupar todos os meses e coloque em uma conta poupança assim que seu salário chegar.

6. Planeje suas compras e evite as por impulso.

7. Deixe o cartão de crédito em casa. Você sabia que a maioria das pessoas não volta para comprar quando tem a oportunidade de pensar melhor?

8. Tenha foco e metas e convoque todos em casa para colaborar.

Depois de parar de reclamar, está na hora de trabalhar para fazer o seu salário esticar e durar mais do que os fatídicos três dias. Se você tem dinheiro na carteira, agradeça. Se não sobrou, agradeça por esta oportunidade de ler este post e perceber o que pode fazer para que dia 31 de maio, você tenha. E com Deus no controle de tudo, chegamos ao fim de mais um mês, com este desafio cada vez mais perto do fim. Obrigada, Senhor, por mais um dia. 😉