O que o Filho Pródigo pode nos ensinar sobre dinheiro

Dia 297/365:

Hoje, saiu a nova edição do jornal da igreja e meu texto sobre Educação Financeira está lá! E para a Glória de Deus, que inspirou este tema, reproduzo aqui para você também!

A regra para uma situação financeira equilibrada é gastar menos do que ganha.

Educação financeira é um assunto que podemos aprender em muitos lugares e das mais diversas formas. Mas hoje, a fonte de aprendizado é a Bíblia. Sim, você sabia que a Bíblia traz profundos ensinamentos sobre o trato com o dinheiro?

A parábola do Filho Pródigo é um bom exemplo. Esta talvez seja uma das mais conhecidas parábolas de Jesus. Ela está Evangelho de Lucas (15:11-32). Você conhece esta passagem. Mas você sabe o significado da palavra pródigo?

Pródigo significa desperdiçador, extravagante… O filho pródigo sai pelo mundo com sua herança e, depois de perder TODA a sua fortuna, volta para casa arrependido. Com esta parábola, Lucas nos faz repensar todos os erros que cometemos ao longo de nossas vidas com relação ao dinheiro.

O perigo da relação com o dinheiro não está em quanto você ganha. Claro que todos que trabalham merecem ser reconhecidos pelo seu esforço e dedicação com bons salários, mas você pode não ter uma vida financeira equilibrada por conta da forma como você gasta o seu dinheiro.

Os ensinamentos do Filho Pródigo:

– Espere em Deus: o filho pródigo não soube esperar nem o falecimento de seu pai para receber a herança. Vivemos em um mundo onde o imediatismo reina. É por isso que as compras em parcelas a cada dia aumentam. Ninguém mais tem paciência (e disciplina) para juntar dinheiro e depois comprar.

 – Valorize sua família: o filho pródigo trocou a segurança da família para se aventurar no mundo, instigado pelas riquezas. Vivemos em uma sociedade que nos avalia pelo que temos e não pelo que somos. Andamos constantemente ansiosos por questões financeiras. Estamos rodeados por propagandas que valorizam o “poder” do dinheiro.

– Deposite sua fé em Deus: imaturo e inexperiente, o filho pródigo não queria uma vida de trabalho e acreditava que a resposta para suas frustrações estava no dinheiro. Cuidado, ele depositou a sua felicidade no dinheiro.

– Faça uma reserva financeira: a extravagância fez que o filho pródigo perdesse tudo. Ele não guardou, não poupou, não economizou e não investiu. Ele não separou os 10% de Deus, gastando tudo que tinha. Não pense somente no dia de hoje.

Espero que goste! Um beijo e fique com Deus! 😉

Usei a mão da minha mãezinha para ilustrar a força do amor e do perdão!

Um grande facilitador da vida. É só isso!

Dia 296/365:

Sim, o grande poder do dinheiro, segundo Tiago Brunet, é ser um grande facilitador da vida. Mas o “Obrigada, estou apenas olhando”, também quer falar sobre as consequências de olhar para o dinheiro como algo mais.

Tiago afirma que o dinheiro pode resolver muitos dos nossos problemas, ao mesmo tempo em que gera conforto emocional. Talvez daí que venha aquela máxima de que “dinheiro traz felicidade”.

Ele até brincou respondendo a esta provocação: “não sei se dinheiro traz felicidade, mas é que uma tristeza ser pobre, ah isso é” heheh

A falta de dinheiro numa família, por exemplo, fruto do desemprego ou do não planejamento financeiro, pode provocar desentendimentos e até divórcio. Que Deus NOS livre de chegar a este ponto.

Outra observação que Tiago faz no livro é sobre a natureza do dinheiro, onde mora a raiz de nossos problemas com ele. A realização pessoal do ser humano tem um aspecto emocional, enquanto o dinheiro é material.

E, por conta disso, o dinheiro ao é capaz de resolver nossos problemas materiais, como pagar as contas, viajar, oferecer conforto para nossa família; e não nossas questões filosóficas como inseguranças, depressão, ansiedade, baixa autoestima, alegria, euforia, falta de amor…

Vou seguir minha leitura e amanhã conto mais o que descobri. Ainda vamos falar do poder do dinheiro. Mas ainda temos outros poderes para abordar como a informação, o networking, sabedoria, do sonho, da fé e do amor até chegarmos ao maior poder do mundo! Está curioso? Você vai se surpreender! 😉

Fuja das mentiras financeiras

Dia 283/365:

Mentiras financeiras: você sabe quais são? Mesmo sem associar a expressão à sua vida, pelo menos uma vez na vida você já usou expressões como “eu mereço” ou “não consegui resistir”. Hoje, o “Obrigada, estou apenas olhando vai falar das mentiras que contamos para justificar uma compra.

E sempre que estas desculpas aparecem, estamos diante de uma compra que não precisamos ou que não temos dinheiro para pagar.

A minha preferida era “estava na promoção”. Mas pense bem, quando você compra uma blusa com 50% de desconto, você não está pagando 50% a menos e sim 50% a mais por uma coisa que não estava programada ou que você não precisa.

Meu amigo diz que se você não comprar, terá 100% de desconto heheheh

O maior problema destas desculpas é que você as conta para si mesmo (a). A pior mentira! Tentando se convencer de que está fazendo algo bom, quando na verdade você sabe que não!

Mas não fique preocupada, eu fiz muito isso. E se eu consegui parar, você também consegue. E sabe como consegui? Tendo um propósito, uma meta, um sonho. Até o compromisso firmado com o “Obrigada, estou apenas olhando” é um bom motivo para não ceder à tentação, usando destes subterfúgios.

A meta de ter uma reserva financeira é que está me ajudando a me manter firme neste propósito. É ela que está proporcionando a motivação necessária para chegar lá!

E estou chegando. As pessoas ainda me perguntam: “tá conseguindo?” ou “como você consegue?”. O segredo? Sonho, meta, planejamento com estratégias para chegar lá, determinação e foco!

Ah, importante lembrar que meu compromisso não é somente comigo, mas com vocês também: seguidores do blog e da página do Facebook. Estamos há poucos meses do fim deste desafio. E a dúvida que não quer calar: se eu vou voltar a comprar? Sim, mas não como antes. Aprendi muito neste tempo. Foram muitas transformações, muito aprendizado e hoje sou uma nova pessoa!

E essa nova pessoa, com a graça de Deus, não voltará a ser como era antes! Como diria Albert Einstein: “a mente que se abre a uma nova ideia, jamais voltará ao seu tamanho original”. E a minha se expandiu, para melhor! Um bom motivo para agradecer, comemorar e aproveitar!

Que Deus continue NOS iluminando e NOS orientando e inspirando todos os dias, em todos os momentos. Que você também encontre seu propósito, motivação e seja feliz! 😉

Torça pelo Brasil sem se endividar

Dia 282/365:

O “Obrigada, estou apenas olhando” entrou no clima da Copa para alertar sobre os gastos que você deve controlar neste período. A Copa do Mundo já começou, mas, para nós, brasileiros, começa amanhã! Cuidado! Com os jogos? Não, com os gastos!

É legal se reunir com os amigos, torcer pela seleção brasileira, comprar camisetas, cornetas e afins, participar de bolões, comprar aparelhos de TV maiores… Até sofás, novos as pessoas estão comprando!

O período também é importante para a economia brasileira, mas é preciso alerta-lo (a), principalmente, se você estiver endividado (a).

Uma pesquisa realizada pelo SPC Brasil e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) projetou que cerca de 60 milhões de consumidores devem realizar gastos com produtos ou serviços relacionados à Copa do Mundo.

Não estou dizendo pra você não torcer pelo Brasil, estou alertando para controlar os gastos: compre à vista, de preferência em dinheiro ou no cartão de débito. Cartão de crédito apenas para compras que cabem no seu orçamento.

Está precisando de uma TV nova ou quer uma TV maior? Não se deixe levar pelo ânimo do evento. Sempre se pergunte se realmente precisa comprar, principalmente, se a compra for de um valor mais alto como um sofá ou uma televisão.

Cuidado também com as promoções que te presenteiam com brindes, o preço do brinde, com certeza, estará embutido no valor do que você está comprando.

A Copa vai durar aproximadamente um mês! Avalie se vale a pena se endividar para além do evento. Espero que Deus NOS ajude: olhando pela seleção brasileira e por nós! Que consigamos NOS conter com os gastos! Vai, Brasil! 😉 🇧🇷

Olhe para o espelho

Dia 267/365:

“Quando as coisas dão errado não olhe para a janela. Olhe para o espelho”. Hoje, o “Obrigada, estou apenas olhando” quer te fazer refletir. Mais ainda? Sim, mais! Heheh

A frase é do empresário Abilio Diniz. E o que ele quis dizer com isso? Ele está nos alertando: quando a nossa vida não está nos trazendo a satisfação que merecemos, ao invés de olhar pela janela e ver o que está errado lá fora, temos que olhar para o espelho: só assim vamos conseguir nos enxergar.

Afinal, se a sua vida não está do jeito que você quer, a resposta está com você e mais ninguém. O que está de fora pode até ser muito importante (país em crise, por exemplo), mas você não pode controlar, pode?

Você só pode controlar o que está ao seu alcance: seus ganhos, seus gastos, suas compras (principalmente as por impulso), suas emoções… Sim, é muito importante controlar suas emoções…

Ao encarar o espelho, aproveite a oportunidade para se encontrar com seus valores. Eles podem guiar você por um caminho melhor.

Quando aconteceu comigo foi que percebi o que estava fazendo com a minha vida e todas aquelas compras revelavam uma futilidade que não tinha nada a ver comigo. Meus valores eram outros. Resgatei a minha humildade, a determinação e a garra que sempre me acompanharam e trouxe novos valores como a disciplina e o equilíbrio emocional para me ajudar nesta caminhada.

E vem dando certo, com a graça de Deus! Aliás, a minha fé em Deus é que vem produzindo todas essas mudanças.

Faça este exercício: encare o espelho, encontre-se e faça acontecer também na sua vida! Que Ele continue NOS abençoando e protegendo todos os dias, em todos os momentos. 😉

Enquanto isso, no camarim da TV TEC…

Dia 258/365:

Os dias vão passando e este desafio alcançando mais e mais pessoas. Isso me deixa muito feliz e aumenta ainda mais a minha responsabilidade. Trazer para o “Obrigada, estou apenas olhando” conteúdos fáceis de entender e que colaborem para melhorar o seu dia a dia é parte desta missão.

Sim, uma missão: ajudar as pessoas a sair de uma situação em que eu também me encontrava. E isso é muito gratificante. Hoje participei da gravação do programa Acesso Geral, do meu amigo Márcio Miguel. Ele foi o primeiro repórter que me entrevistou, que se interessou pela minha história, pelo que eu tinha pra contar. E desde aquela entrevista, quanto já crescemos e aprendemos.

A cada dia uma nova lição, um novo aprendizado e a companhia de vocês. Hoje, no programa, contei pra ele do NOSSO progresso em parar de gastar, mas principalmente, sobre o quanto isso não está me fazendo falta.

No começo fez sim, muita falta, entrei em crise, vocês se lembram, né? No post lágrimas de frustração. Contei pra ele sobre a dor do início e a satisfação de agora. A alegria que eu sentia ao comprar hoje sinto em guardar o dinheiro. E de todos os presentes que tenho ganhado: as roupas das minhas amigas hehehe

Já virei piada entre as elas heheheh Mas sei que se orgulham da minha determinação. E rumo ao programa da Ana Maria Braga hehehe Como vou chegar lá? Não faço a mínima ideia, mas eu vou! Podem acreditar!

Que Deus continue NOS abençoando e NOS protegendo em cada momento, em cada situação, inspirando-NOS todos os dias para fazermos o NOSSO melhor, levando esperança e a certeza de que é possível sair de uma situação complicada.

Aproveite o que você vem aprendendo aqui e fale para os amigos, divida com eles as dicas e o quanto vem fazendo bem pra você. Fale também para aquelas pessoas que você nem conhece na rua, na fila do banco. Afinal, a gente pode, a qualquer momento, ajudar alguém. Seja em Deus! Obrigada, Senhor, por esta oportunidade. 😉

 

O final será melhor que o início

Dia 255/365:

Hoje, na igreja, o tema da pregação do evangelista foi “O final é melhor que o início! Amém! A gente precisa manter acesa a chama da fé e da esperança e não desistir! Com o ‘Obrigada, estou apenas olhando’ já vivi várias fases e, mesmo em meio ao desespero e à frustração, mantive a determinação de chegar até o fim deste desafio.

Este propósito está acabando. Menos de 4 meses. E junto com você aprendi muito e ainda estamos colhendo os frutos desta mudança. Já contei pra vocês como minha vida mudou e não só porque parei de comprar… heheh As transformações são frutos da minha conversão, porque eu acredito que Deus tem o poder de transformar.

E transformou. Veja o meu caso: este desafio começou a partir do susto com um pequeno acidente. A tomada de decisão foi difícil, dolorosa e, apesar de não ter dívidas, não tinha dinheiro investido. Não tinha planejamento, nem reserva financeira e nem um propósito. Não sabia o que queria e nem pensava nisso ou em como garantir o futuro.

Em 8 de setembro, ao final deste desafio, poderei contabilizar tudo que ele trouxe de bom. Todos temos nossas lutas. Você mesmo pode estar passando por uma neste instante: doença, dívidas, desemprego, desesperança… Mas posso te dizer: o seu final será melhor que o início! O seu futuro será melhor que o seu presente.

Faça um propósito com Deus e leve-o para a sua vida, deixe-o enfrentar os seus problemas junto com você. Estabeleça prazos para sair desta situação e abra seus olhos, seus ouvidos e o coração para os ensinamentos e para as oportunidades de aprender e coloque-as em prática. Pode acreditar, este é o caminho e vai dar certo! Com a graça de Deus 😉

Estamos na 9ª semana do Desafio das 52 Semanas

Dia 173/365:

O ‘Obrigada, estou apenas olhando’ está na 9ª semana do #Desafio52Semanas… O tempo passando e o dinheiro aumentando na poupança hehehe

Vamos fazer as contas: pra quem está com a gente desde a primeira semana do ano e começou a poupança com apenas R$ 1,00 já conseguiu guardar 45,00. Já pra quem escolheu o valor de R$ 5,00 por semana, já acumulou R$ 225,00.

Olha só que legal.  Apesar do hábito de poupar não fazer parte de boa parte dos brasileiros, mas a gente tá provando que é possível tanto mudar os hábitos, quanto guardar dinheiro. O legal do Desafio das 52 Semanas é que a gente não vai guardar o que sobra, tem que guardar o que foi determinado pela planilha que você escolheu.

Gastar dinheiro é muito mais divertido do que guardar, eu bem sei hehehe,  mas pense no que poderá fazer lá em dezembro… É isso que vai te motivar. Pra quem começou com R$ 5,00, ao final do desafio terá acumulado (sem contar os juros) R$ 6.890,00.

O valor diminui para quem escolheu começar com uma quantia menor, como R$ 1,00, por exemplo, mas mesmo assim vale a pena. Imagina você com R$ 1.378,00 no final do ano? Poderá comprar um belo presente de Natal pra você ou pra família, viajar com os amigos no Réveillon, trocar o seu aparelho celular por um mais moderno… Nossa, são tantas opções.

Ou poderá simplesmente manter essa grana no banco ou transferir para um outro tipo de investimento que renda mais.

Como funciona o desafio?

Desafio 52 semanas – Obrigada, estou apenas olhando é bem simples de seguir, mas  exige disciplina. Consiste em guardar um pouquinho de dinheiro toda semana, seguindo uma planilha. Se você ainda não está participando, clica no link e baixa a planilha pra você escolher o valor. Preencha com o valor que você deseja começar e vá seguindo as orientações. A planilha se auto-preenche e você já consegue ver quanto vai conseguir poupar ao final das 52 semanas.

Não se esqueça de analisar bem o seu orçamento antes de aceitar este desafio. Você vai ver que com o tempo passando, os valores semanais vão aumentando. Mas se você estiver com as suas finanças em dia, vai conseguir guardar o dinheiro sem problemas.

Lembre-se, o objetivo maior deste desafio é criar em você o hábito de poupar. Este é um processo simples e quanto mais simples, maiores são as chances de sucesso.

Para aqueles que estão comigo na Semana 9, parabéns e vamos em frente!

Para aqueles que vão começar hoje, seja bem-vindo (a)! Força, foco e fé: vai dar tudo certo!

Daqui, continuo na torcida e nas orações, pedindo a Deus que NOS oriente, NOS proteja e NOS inspire sempre para o melhor caminho, para que possamos aproveitar com sabedoria e saúde as melhores oportunidades. 😉

 

Monitore o seu desafio e mantenha-se no foco!

Dia 154/365:

154 dias se passaram desde o início deste desafio. E o ‘Obrigada, estou apenas olhando’ quer saber: como vão as suas finanças? Sempre que começamos um desafio, temos que monitorar para saber se estamos no caminho certo, se algo precisa mudar, se precisamos corrigir a rota…

Então vamos parar para avaliar o que já passou. É uma oportunidade para refletirmos sobre tudo que já vivemos e aprendemos neste tempo: nossas vitórias, nossas conquistas e, principalmente, nossos resultados tão sofridos e tão esperados.

Faça um balanço: você vem conseguindo poupar? Conseguiu pagar todas as contas de início de ano? Como está a fatura do cartão de crédito? Responda para você todas estas perguntas.

Orçamento e planejamento financeiro: se você ainda não conseguiu fazer planejamento porque não tem uma planilha ou não baixou nenhum aplicativo de celular para te ajudar… Em breve, vamos divulgar uma planilha que você poderá baixar e preencher.

Esta semana conversei com um importante diretor financeiro  de uma empresa de Jundiaí que teve 30% de crescimento em 2017 (mesmo em  meio à crise)! Imagina, gente! Ele deve saber o que faz… hehehe E claro, já fui convidando ele para nos ajudar por aqui. Então, ele vai montar uma planilha bacanérrima que vai nos ajudar neste desafio. Se você ainda não conseguiu montar seu, aguenta um pouquinho mais que já já vamos divulgar.

Hora de investimentos: já chegou a hora de investir? Você tem conseguido fazer sua reserva financeira? Já estamos naquele momento de passar para um próximo passo? Sim, precisamos evoluir!

Já está na hora de buscar novas formas de investir? Deixar a reserva financeira na poupança, quietinha para algum imprevisto (espero que ele nunca aconteça) e voar mais alto! Lembre-se, não fique nessa de ‘nunca sobra dinheiro para começar a poupar’. Tente reservar um valor dentro do seu orçamento para a poupança. Reserve um dinheiro como se fosse pagar uma conta e todo mês, você deposita.

Lembre-se, para tomarmos as rédeas das nossas finanças, é preciso ter, acima de tudo, autocontrole, disciplina e dedicação. Não dá pra descuidar… A cada salário recebido, temos que dar Glória a Deus por termos um emprego, mas lembre-se de chamá-Lo para participar dos outros 25 dias do mês. Traga Deus para todas as suas decisões. Deixe Ele decidir por você o que é melhor.

Hoje fui pra uma reunião e realmente não sabia como ela iria terminar. Mas no caminho fui conversando com Deus e pedindo tranquilidade para lidar com aquela situação… E qual foi a minha surpresa? Percebi que Ele quer mais de nós! E vamos juntos, buscar um caminho que nos traga paz, alegria e prosperidade! 😉

Saia da sua zona de conforto!

Dia 122/365:

Hoje de manhã, durante o culto, o pastor usou esta frase para falar sobre o que Deus espera de nós, neste ano novo. “Saia de sua zona de conforto para viver o sobrenatural”. Milagres acontecem para aqueles que saem do lugar e vão ao encontro do que Deus quer para suas vidas. Como fez Abraão, quando Deus lhe pediu que juntasse sua parentela e saísse…

Abraão foi, sem saber para onde iria, sem saber o que encontraria, sem saber qual seria o resultado. Ele apenas confiou. Confiou nos planos de Deus para sua vida. Confiou nas promessas de Deus… Confiou..

Em todos os cultos, durante o louvor, peço a Deus, humildemente, que fale comigo. E sempre recebo uma resposta para minhas dúvidas, para minhas dores, para minhas dificuldades!

Cada vez mais eu entendo que este propósito de inspirar pessoas sobre finanças pessoais, economia doméstica e educação financeira está no caminho que Deus queria para minha vida. Um vez a Analice Silva comentou isso num dos nossos posts: “Tenho certeza de que este blog está nos sonhos de Deus”. Eu também! A inspiração veio dEle, o propósito (inspirar pessoas) nasceu na igreja e desde então venho cuidando com muito carinho deste projeto.

E este desafio: “saia da sua zona de conforto!” se encaixa perfeitamente em tudo que estamos fazendo. Eu e você! Aprendo, coloco em prática e, humildemente, divido com você que aceita e leva para a sua vida. Então, saia da sua zona de conforto! Busque uma vida melhor, sem dívidas, sem dificuldade financeira, sem sofrimento, sem privação…

Os imprevistos acontecem sem a gente pedir, sem a gente querer. Então, vamos buscar o que é bom para as nossas vidas. Vamos nos planejar para o sucesso! Vamos nos planejar para aproveitar tudo que a vida tem de bom. Escolha viver o sobrenatural de Deus na sua vida: planeje com Ele, realize com Ele, vença com Ele e não se esqueça de agradecer, todos os dias. E seja luz na vida de outras pessoas: impacte seus amigos com as mudanças que você vai deixar Deus fazer na sua vida!

Estou tentando viver tudo isso e cada vez mais agradecida e encantada com tudo isso. Estou esperando uma resposta que pode impactar a minha vida. Sei que fiz o meu melhor e agora Ele decide quais serão os próximos desafios. Estamos na primeira de 52 semanas, dá muito tempo de você mudar o que precisa ou de deixar nas mãos dEle esta mudança.

Faça o seu melhor, busque Deus e tudo o mais vos será acrescentado (Mateus 6: 33). Amém 😉