Três pares de sapato e duas bolsas: R$ 115,00

Dia 311/365:

Não, não comprei nada! Não cedi à tentação e nem quebrei o meu compromisso com o “Obrigada, estou apenas olhando”.

Há 15 dias fiz uma arrumação no guarda-roupas e encontrei roupas, sapatos e bolsas para doar, para consertar e para peças para jogar fora.

E qual foi a minha tristeza quando liguei no sapateiro e ele disse que uma bolsa que gostava muito não tinha conserto? Uma bolsa verde, linda, que havia ganhado num bingo hehehe Ela estava com o couro fake esfarelando. Diagnóstico: lixo!

Separei tudo que ia pro sapateiro: duas bolsas, três pares de sapato, que, por conta de precisarem de ajustes não os estava usando mais.

Ao sapateiro ajustou os botões da bolsa marrom; trocou o cabo da bolsa vermelha (que também estava esfarelando); trocou a borrachinha do saltos do sapato preto; fez um reforço no scarpin branco e cortou o salto da sandália vermelha. E tudo por R$ 115,00.

Uau! Resultado: mais três opções de sapato prontos para usar e duas bolsas! E você? Quando um produto quebra, rasga, você joga fora ou leva para arrumar? As lojas de consertos são importantes formas de economizar.

Até panelas já consertei: tem um senhor que passa aqui pelo meu bairro pelo menos uma vez a cada dois meses consertando panelas, trocando cabos ou se oferecendo pra trocar a borracha da panela de pressão.

A nossa tendência quando algo quebra é encostar o objeto e comprar um novo. Mas, mandar consertar e continuar usando é uma forma de economizar, ou seja, fará bem para o bolso e para o meio ambiente.

Da próxima vez que pensar em comprar algo, dê uma olhadinha no seu armário: eu garanto que vai encontrar algo que só precise de um ajuste para voltar a ser usado.

Economize por você, pelo seu bolso e pelo meio ambiente. Vamos cuidar deste planeta tão lindo que Deus NOS emprestou para morar! 😉

Economize também no trabalho

Dia 233/365:

A gente sempre fala das economias que fazemos em casa né? Mas o ‘Obrigada, estou apenas olhando’ foi buscar dicas de consumo consciente para você colocar em prática no seu trabalho também. Afinal, passamos a maior parte do dia lá, não?

Pequenas mudanças de atitude além de ajudar a economizar, vão colaborar também com o meio ambiente.  Ao economizar e consumir de maneira consciente, você não só “poupa” os recursos naturais, como também poupa para você, tornando possível uma economia também no seu ambiente de trabalho.

Economize papel: procure utilizar os dois lados para impressão nas folhas de sulfite. Lembre-se que a produção de papel exige recursos naturais como água e energia. Não imprima à toa e reutilize envelopes;

Economize energia: utilize o ar condicionado com moderação. Ao sair da sala, apague as luzes e desligue o ar. Abra janelas e deixe a luz natural entrar no ambiente, assim você pode desligar as luzes;

Telefone: evite usar o telefone para assuntos particulares. E se for usar para assuntos relativos ao trabalho, seja breve;

Carona solidária: adote a carona solidária. Verifique os colegas que moram próximos e façam rodízio de caronas semanais. Para gastar menos combustível com o seu carro, faça revisões periódicas e mantenha o motor regulado;

Marmita: leve marmita, assim você evita gastar com alimentação fora de casa.

Ajude a empresa em que trabalha a economizar e ajude você por tabela. Lembre-se, você faz parte de um time e é sua responsabilidade também economizar e ajudar, orientando os colegas de trabalho para o consumo consciente.

Consumo consciente é importante para economizar recursos naturais e gerar economia financeira. Ganha o seu bolso, ganha o meio ambiente. É sempre importante lembrar que 16% da população é responsável por 80% do consumo no planeta. Você sabia que já consumimos 50% a mais de recursos do que a Terra é capaz de repor.

Impacte a sua vida, a vida da sua comunidade, converse com vizinhos, participe da coleta seletiva: recicle antes de jogar fora, doe antes de comprar! E que Deus possa continuar NOS orientando em todos os momentos, em todas as NOSSAS atitudes. 😉